close

Linkedin aponta as 25 empresas top para desenvolvimento de carreira 

Rede social divulga a sua sexta lista anual com as empresas top para desenvolvimento de carreira

por Redação maio 24, 2022
  • Educação e aprendizagem Mais informações
    Educação e aprendizagem
  • Inovação e transformação digital Mais informações
    Inovação e transformação digital

O LinkedIn Top Companies, em sua sexta edição anual, lista as 25 empresas top para desenvolvimento de carreira. Segundo a plataforma, as companhias foram escolhidas por terem oferecido estabilidade mesmo em um mundo de trabalho em constante evolução, conseguindo não apenas atrair, mas reter seus funcionários. A escolha teve como base os dados do próprio Linkedin, com foco em sete pilares. São eles: possibilidade de crescimento, desenvolvimento de competências, estabilidade na empresa, oportunidade externa, afinidade com a empresa, diversidade de gênero e nível de formação acadêmica. 

Para se qualificarem, as empresas deveriam ter pelo menos 500 funcionários no país em 31 de dezembro, e a rotatividade de funcionários não pode ser superior a 10% durante o período estabelecido na metodologia (de acordo com os dados do LinkedIn). 

Linkedin explica filtros da pesquisa

Também não serão consideradas elegíveis empresas com demissões que ultrapassem 10% da sua força de trabalho no mesmo período, com base em anúncios públicos. Apenas empresas controladoras aparecem na lista; subsidiárias com participação majoritária e dados associados são agregados em sua pontuação total. 

Outro critério importante é que as agências de emprego e de seleção de pessoal, instituições de ensino e órgãos governamentais foram excluídos da lista, assim como a Microsoft (controladora do LinkedIn) e as subsidiárias dela.

A plataforma também orienta como usar a lista, seja para mudar de função, retornar ao mercado de trabalho após uma pausa ou investir em novas competências. “Para cada empresa, você encontrará insights sobre as funções e competências mais requisitadas, os locais que mais contratam, além de outras informações”, diz a nota oficial da empresa. 

O LinkedIn lembra ainda que os assinantes da plataforma podem conferir as vagas (incluindo cargos remotos) e as pessoas que talvez conheça em cada empresa. “Se alguma empresa chamar a sua atenção, siga sua Company Page e ative os alertas de vaga para ficar por dentro de oportunidades futuras”, aconselha. 

A lista inclui as seguintes corporações, com dados padronizados de cada uma delas: Itaú Unibanco, Banco Bradesco, Mercedes-Benz, SAP, Banco Santander, Banco do Brasil,  JPMorgan Chase & Co, Sanofi, Unimed, Procter & Gamble, CNH Industrial, Banrisul, GE, L’Oréal, Serasa Experian, Marelli, Mondelēz International, Vivo, Equinix, Cummins Inc, IBM, BAT, B3, thyssenkrupp e Pinheiro Neto Advogados.